First Bilateral Commission between Portugal and Egypt

montagem jpg

The first ever meeting of the “Bilateral Commission” between Egypt and Portugal took place on the 19th of October, presided over by countries’ Ministers of Foreign Affairs, Mr. Sameh Shoukry and Mr. Augusto Santos Silva.

The Commission saw the presence of the Secretary of State for Energy, Mr. Jorge Seguro, the Secretary of State for Administrative Reforms, Ms. Graça Fonseca and several other representatives from different ministries. Together all parties went over the different cooperation areas between Egypt and Portugal, which resulted in the signature of 5 MoU in the areas of Air Travel, Archive Management, Cooperation, Sports and Youth an Tourism.

In that same day, both Ministers of Foreign Affairs inaugurated the Business Forum Egypt-Portugal. This forum, the first of its kind in Egypt, brought together 18 Portuguese companies and more than 100 Egyptian companies, hence highlighting the interest and potential on both sides of this newly formed relationship.

The Minister of Foreign Affairs also held private meetings with Mr. Tarek Kabil, Minister for Industry and Commerce and Ms. Sahar Nasr, Minister for Investment and International Cooperation. He was also received by Sheikh Ahmed Al Tayb from Al Azhar.

The Secretary of State, Ms. Graça Fonseca also held meetings outside the Business Forum context, in which the possibility to implement the SIMPLEX system was explored in the context of Administrative Modernization. She was received in the Parliament by the President of the Local Planning Commission, Deputy Ahmed El Siginy, the Minister of Planning and Administrative Reforms, Ms. Hala Sayed, the Prime Minister Sherif Ismail and finally also by H.E. the President of Egypt.

The Secretary of State for Energy, Mr. Jorge Seguro, was one of the opening speakers in the first Business Forum for Energy and Climate, held in Cairo on the 18th of October and put together by the Union for the Mediterranean and the Government of Egypt.

Present also as Speakers, Minister for Electricity and Renewable Energy, Mr. Mohamed Shaker, Minister for Investment and International Cooperation, Ms. Sahar Nasr, and the Secretary General of the UfM, Mr. Fathalla Sijilmassi.

Mr. Seguro also held meetings with Portuguese companies who were present at the UfM Forum and other relevant Egyptian authorities in this domain.

Mais notíciasNotícias

Consulte a edição de junho da Portugalglobal.


Mantenha-se informado sobre mercados, empresas, internacionalização e investimento com a Portugalglobal, a sua revista online gratuita e descubra o que a AICEP pode fazer pelo seu negócio.

Pode ainda subscrever a revista aqui: http://www.portugalglobal.pt/…/SubscricaoNews…/newform.aspx…

Para consultar os números anteriores da Portugalglobal, visite o seguinte link: http://portugalglobal.pt/…/Pagin…/RevistaPortugalglobal.aspx

 

ptglobal

Informamos que a próxima época de exames de certificação de língua portuguesa como língua estrangeira decorrerá durante o mês de Novembro na Embaixada de Portugal no Cairo.

As inscrições devem ser efectuadas até ao dia 30 de Outubro no endereço do CAPLE - Centro de Avaliação e Certificação de Português Língua Estrangeira (https://caple.letras.ulisboa.pt/seasons/exams).

Comemorações do Dia de Portugal, de Camões e das Comunidades Portuguesas

Cara (o) concidadã (o),


Comemoramos por estes dias e nas diversas geografias, o Dia de Portugal, de Camões e das Comunidades Portuguesas. Sei bem que é com um elevado sentimento de patriotismo que homens e mulheres, de todas as gerações, celebram a herança histórica, cultural e linguística que, ao longo dos séculos, se enraizou em todos os continentes e continua hoje como força viva e inspiradora dos valores da liberdade, da paz e da justiça social.
Essa força criativa e transformadora nas terras de acolhimento, mas também essencial ao desenvolvimento e ao progresso nas terras de origem, vive no espírito e no coração de cada portuguesa e de cada português e em cada comunidade no estrangeiro. Tenho tido a honra de conhecer esses momentos de especial e profunda vivência dos valores nacionais e afetiva ligação a Portugal.
Sei bem da importância do senhor Presidente da República e do senhor Primeiro-Ministro viverem também com os Portugueses na diáspora as comemorações oficiais do dia 10 de Junho. Dia em que, Portugal, como um todo, reconhece e enaltece os maiores e os melhores de entre nós.


Com a profunda convicção de que os Portugueses nas comunidades vivem uma relação com Portugal de modo muito especial, temos vindo a adotar, sob orientação do senhor ministro dos Negócios Estrangeiros, um conjunto de medidas que lhes conferem uma mais ampla cidadania.
São disso exemplo a regulamentação da nova Lei da Nacionalidade, que, entre outros objetivos, atribuiu novos direitos aos netos dos Portugueses; as novas Leis Eleitorais, com especial significado para o Recenseamento Automático, não obrigatório, e a possibilidade de candidatura à Assembleia da República por parte de cidadãos com dupla nacionalidade. Mas o novo modelo de apoio ao associativismo que hoje passou a dar outro valor à cidadania, à igualdade, à solidariedade, à língua e à cultura e às redes de investigadores e diplomados portugueses no estrangeiro, veio também contribuir para o rejuvenescimento do movimento associativo e para uma cultura mais democrática de prestação de contas. Os “diálogos com as comunidades” criaram uma prática de proximidade e novas pontes entre todo o Governo e os Portugueses no estrangeiro.
Ao longo da legislatura, adotámos uma nova visão relativa ao contributo da Diáspora para o desenvolvimento económico e social do País. A possibilidade de obtenção do estatuto de utilidade pública por parte das Câmaras de Comércio portuguesas no estrangeiro; a identificação e o apoio aos investidores, por intermédio do Gabinete de Apoio ao Investidor da Diáspora (GAID); o Guia Fiscal para as Comunidades e as medidas previstas para a valorização do investimento da diáspora são disso um bom exemplo.


Demos também passos importantes em direção a uma nova visão relativa às expressões culturais e à promoção da língua portuguesa. O Prémio Literário “Ferreira de Castro”, em parceria com a Casa da Moeda; a identificação e avaliação do espólio literário existente nos gabinetes de leitura portugueses no Brasil para efeitos de conservação e digitalização, em cooperação com o ministério da Cultura; o apoio à criação da Associação Luís de Camões, que garante no presente e no futuro a preservação do espólio literário do Real Gabinete de Leitura; os programas da RTP “Portugal no Mundo” e o contributo que demos, com o Instituto Camões, à nova série “O nosso Cônsul em Havana”, bem como a associação que tivemos com a série relativa aos luso-eleitos nos Estados Unidos, mostram uma vontade inequívoca de dar a conhecer os contributos que os portugueses continuam a dar ao mundo. No ensino da língua portuguesa, temos hoje mais alunos, mais professores, mais turmas e mais escolas comprometidos com a língua de Camões.


Estes esforços foram acompanhados por um reforço dos meios humanos e materiais tendo em vista agilizar a resposta consular e corresponder a um forte crescimento da procura. O aumento da validade do cartão do cidadão de cinco para dez anos; a criação do passaporte “passageiro frequente”, com mais 16 páginas; a aceitação de documentos com dispensa de tradução em língua espanhola, inglesa e francesa; o Centro de Atendimento Consular; a criação do “Espaço do Cidadão” nas Comunidades; o reforço do número de Gabinetes de Apoio ao Emigrante em Portugal e o estabelecimento de parcerias com municípios estrangeiros bem como o desenvolvimento de uma resposta de aprendizagem do português à distância, “Português Mais Perto”, entre outros exemplos, reforçam esse compromisso do País com todos os portugueses.
Olhamos com expetativa também para a realização do Iº Congresso Mundial das Redes da Diáspora, que terá lugar nos dias 13 e 14 de julho, no Porto. Este evento é aberto a representantes das nossas comunidades em diferentes áreas de atividade e contará com a presença do senhor Presidente da República, do senhor Primeiro Ministro e do senhor Ministro dos Negócios Estrangeiros.


Caras e caros concidadãos,


Todos reconhecerão, ainda, o empenhamento dos serviços do Estado e do Governo no apoio e na proteção consulares. Infelizmente, têm sido muitos os momentos críticos por que todos passamos. Os atentados terroristas; os acidentes; as catástrofes naturais; as perturbações da ordem pública e os conflitos de natureza civil. Enfim, circunstâncias que todos temos vivido com um profundo sentimento de solidariedade nacional.
É devida uma palavra de agradecimentos aos serviços consulares e diplomáticos, a todos os serviços do Estado que têm ajudado a garantir a eficácia na resposta e a proximidade no apoio aos Portugueses em perigo, aos Conselheiros das Comunidades Portuguesas, e às múltiplas instituições da sociedade civil que, connosco, têm cooperado.


Tem sido também muito importante a cooperação institucional, sem falhas, entre a Presidência da República, a Assembleia da República e o Governo. Quero deixar uma palavra especial de agradecimento aos Deputados eleitos pelos círculos da emigração.


Permitam-me uma palavra final:


Todos os esforços têm vindo a ser feitos para garantir a proteção, o apoio e a valorização das condições de boa integração dos portugueses no estrangeiro. Um esforço, reconhecido por todos, tem sido realizado para concretizar uma nova visão sobre a importância estratégica das comunidades portuguesas nos planos político, social, económico e cultural.
Contudo, será por todos compreendida a mensagem de que o Governo tem também em curso políticas para apoiar e garantir o regresso a Portugal. Portugal tem os braços abertos aos que queiram regressar. De todas as gerações e de todas as condições sociais.
Portugal é um país maior com todas as suas comunidades. Todas as comunidades fazem a comunidade nacional.


Viva Portugal.


José Luís Carneiro
Secretário de Estado das Comunidades Portuguesas

Mantenha-se informado sobre mercados, empresas, internacionalização e investimento com a Portugalglobal, a sua revista online gratuita e descubra o que a AICEP pode fazer pelo seu negócio.

Pode ainda subscrever a revista aqui: http://www.portugalglobal.pt/…/SubscricaoNews…/newform.aspx…

Para consultar os números anteriores da Portugalglobal, visite o seguinte link: http://portugalglobal.pt/…/Pagin…/RevistaPortugalglobal.aspx

 

ptglobal

Contactos

25 Ahmed Heshmat
Zamalek
Cairo

+20 22 7350779 (Embaixada)
+20 22 7350781 (Embaixada)
+20 103 223 1181 (Emergência)
cairo@mne.pt
Facebook 

Mais informação

Ligações úteis

Logotipo Portal das Comunidades Portuguesas

Logotipo Carreiras Internacionais

Logotipo Turismo de Portugal

Logotipo AICEP - Portugal Global

logotipo dre

Logotipo Portugal Economy Probe

Logotipo Camões - Instituto da Cooperação e da Língua

Logotipo Instituto Diplomático

Portal Diplomático

studyinportugal